sábado, 8 de setembro de 2012

TUDO ESTÁ PLANEJADO PARA DESESTABILIZAR A PAZ! 30 DE AGOSTO, 2012 - ALTO DE GUARNE


CHAMADO URGENTE DE DEUS PAI  À HUMANIDADE
Herdeiros Meus, povo de Deus, paz a vós! 
A paz dos homens está por terminar, um acontecimento repentino mudará os destinos da humanidade. A morte de um dos reis deste mundo fará que a guerra se desencadeia. Tudo está planejado para dezestabilizar a paz! As nações se atacarão umas às  outras, o caos se apossará da humanidade e uma terça parte desaparecerá.
Minha criação se vestirá de luto pela perda de tantas almas, o céu chorará e a humanidade começará seu calvário. Ai de ti Jerusalém, que não quiseste me ouvir! Ai de ti, Israel, porque tua sorte está tirada! Tuas colinas serão ocupadas por teus inimigos e teus aliados não poderão defender-te. É chegada a tua hora! Nações mais poderosas usurparão tua terra e tuas riquezas e o grito de guerra te fará estremecer.
Oh Jerusalém, viraste as costas pro  Teu Salvador e  o Sangue de Meu Unigênito correu em tuas ruas. Sangue inocente com que carregaram ontem  teus filhos e que amanhã será tua desgraça e tua dor. Por ti, ho Israel, Minha criação sofrerá! Tua ânsia de poder  e expansionismo se reverterá contra vós. Em vez de cantos de alegria e júbilo pela vitória, vossos filhos derramarão lágrimas por vossa queda. Escutai novamente o lamento do Meu Filho: Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas e apedrejas os que te são enviados! Quantas vezes Eu quis reunir teus filhos como a galinha que reúne seus pintinhos debaixo de suas asas e tu não quiseste! É aqui que fica deserta vossa casa. Vos digo que já não mais Me vereis, até que digais: Bendito o que vem em nome do Senhor! (Mateus 23, 37-39).
Oh Jerusalém,  jazes desolada e triste, sumida no abandono, os que ontem vitoriavam teu nome, hoje jazem no pó, são esquecidos! Todos  deram-te  as costas e entregaram-te nas mãos de teus inimigos. Ó nações, entoai um cântico melancólico por aquela que tem deixado de ser a filha do Meu povo! Todo o passado volta a se repetir: a humanidade se move entre alegrias e tristezas, nada neste mundo passageiro é eterno, o que ontem foi, hoje já não mais existe.
Todo mortal é erva, toda sua glória como a flor do campo. A erva seca, a flor murcha, mas a palavra de nosso Deus permanece para sempre. (Isaías 40, 6,7,8).
Vos digo mortais, que a grandeza da Minha misericórdia está por dar passo a grandeza de Minha justiça. Não perdeis mais tempo nas vaidades do mundo, recolhei-vos o quanto antes em oração e pedi pela salvação de vossas almas, porque a hora de Minha Justiça Divina está batendo às portas. Ficai em paz, homens de boa vontade.
Vosso Pai, Javé, Senhor de todas as nações.
Dai a conhecer Minhas mensagens em todos os confins da terra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oração de Batalha Espiritual - Padre Robert DeGrandis, SSJ

Senhor Jesus Cristo, coloco-me aos pés da Sua Cruz e peço-Lhe que me cubra com o Seu preciosíssimo Sangue que se derrama do Seu Sagr...