terça-feira, 2 de março de 2010


28/02/2010 – Mensagem de Maria Santíssima

"-Meus filhos amados, agradeço-vos por estardes Aqui mais uma vez! Continuai com as vossas orações, pois através delas estou salvando muitas almas.
Continuai com todas as orações que Eu vos dei Aqui. Só no Céu podereis ver quantas almas Eu tenho ajudado e salvado com as vossas orações.
Peço-vos mais uma vez que leiais, que re-escuteis todas as Minhas Mensagens, para que Eu possa fortalecer e aumentar a vossa fé cada dia mais, até tornar-vos muralhas imbatíveis de fé, contra os ataques do Meu inimigo.
Compreendam-Me! Sim... que sem oração vós não podeis sentir o Amor de Deus, vós não podeis conhecer o Amor de Deus, vós não podeis corresponder ao Amor de Deus e não podeis fazê-lo crescer em vossas vidas.
Quando a alma começa a sentir o Amor de Deus em si, sente-se arrebatada, presa de um amor, presa de uma paz, de uma felicidade, de uma plenitude que em nada antes ela sentia nem encontrava... Então, presa neste amor, presa nesta felicidade e neste desejo de corresponder ao amor que sente, a alma procura então o Rosto de seu Amado. Quer conhecê-Lo! Quer conhecer o Seu Senhor... E não descansa enquanto não encontra a Sua Face, ou seja, enquanto não encontra a verdade, não encontra o Deus vivo e ressuscitado na oração ardente, na contemplação altíssima, na meditação profunda, na comunhão total e espiritual com Ele.
A alma quando começa a sentir o Amor de Deus, não tem outro prazer se não de retirar-se muitas vezes a sós com o Seu Amado Senhor na Oração... E ali entreter-se com Ele, sentir as delícias do influxo de Suas Graças e ao mesmo tempo dando ao Senhor o seu coração, a sua vida e consumindo-se como uma chama viva em desejos de amá-Lo e servi-Lo cada vez mais e intensamente... E então, o buliço do mundo a aborrece, a cansa, seca a sua alma e ela deseja cada vez mais olhar para o seu Senhor, pois tem saudade verdadeira Dele... E agora olha já as coisas do mundo como pó e cinza, como coisas efêmeras e passageiras, menos que folhas secas que o vento leva embora para sempre...
A alma só encontra paz então, no Seu amado Senhor, no Seu Deus e ela, se for dócil à inspiração da graça, se ela souber vencer as tentações de satanás que procurarão por todos os meios afastá-la daquele amor e fazê-la voltar ao mundo, se ela souber manter-se perseverante àquilo que se propôs e àquilo que seu coração busca e deseja..., então, nada poderá deter esta alma na subida cada vez maior e mais crescente do Amor de Deus, da união com Ele e da vida verdadeiramente divinizada, ou seja, imersa na transcendência divina!...
Eu quero levar-vos a essa vida!... Eu quero fazer nascer em vós esse Amor!... Eu quero vê-los todos ardendo com as chamas deste Amor Divino! Para isso quero tantas Orações, quero a vossa Consagração, quero a vossa renúncia a vós mesmos, quero a vossa entrega total a Mim, para que Eu possa levá-los a esta Verdadeira Vida em Deus!
Dai-Me o vosso SIM e Eu vos levarei...
A todos neste momento abençôo: de Fátima, de Medjugorje, de Pellevoisin e de Jacareí...”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ladainha a Misericórdia Divina Senhor, tende piedade de nós.

Senhor, tende piedade de nós. Cristo, tende piedade de nós. Senhor, tende piedade de nós. Jesus Cristo,  ouvi-nos. Jesus Cristo, ...